A+ A A-

8º Edição do Programa Aluno-Artista traz programação para Limeira

 

Nos dias 27 e 29 de novembro, projetos da 8º Edição do Programa Aluno-Artista se apresentarão nos campi da Faculdade de Tecnologia (FT) e da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) em Limeira. É um momento importante para os alunos apresentarem suas iniciativas artísticas para outras cidades divulgando de forma mais ampla os projetos em que estão atuando. Para os espaços que recebem essa mostra dos projetos, é uma oportunidade de conhecer os trabalhos de arte apoiados pelo Serviço de Apoio ao Estudante (SAE) e pela Pró-Reitoria de Graduação (PRG), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), através do Programa Aluno-Artista. Acreditamos que este evento servirá de incentivo, aos alunos destes campi, para apresentarem propostas e desenvolverem projetos de arte e cultura.

Na FT as apresentações ficam por conta dos projetos Meu Corpo no Mundo e Tumbuluku, que farão, respectivamente, uma performance e um show, no dia 27 de novembro, às 18h, na entrada do prédio do auditório, ao ar livre, com o público ocupando as escadarias de acesso.

No dia 29 de novembro, na FCA, estão previstas apresentações de Dança e Performance na marquise central e na esplanada entre os edifícios. A partir das 17h acontece, no Cine Vagalume – sala de cinema da faculdade, espaço projetado e dedicado para a apreciação da sétima arte- a exibição dos curta-metragens: Fios da Resistência, No Fim-Da-Estrada e Marias dos Retalhos, seguida de debate com os diretores.


Confira a programação:

Faculdade de Tecnologia (FT Unicamp)

27/11 das 18h00 -19h00

"Meu Corpo no Mundo | “Meu corpo no mundo” busca desenvolver uma série de intervenções performáticas pensadas para os espaços públicos do campus através de uma pesquisa sobre a ocupação de um corpo feminino negro no espaço e suas leituras performativas na esfera pública. Alunas-Artistas: Mayra Hazeu e Helena Franco. 

Tumbuluku | A proposta do grupo é através da música autoral buscar uma nova estética de música instrumental fortemente aliada aos elementos musicais de África, de Moçambique em particular a polirritmia, o conceito de looping e a sobreposição de camadas. Um leque de composições autorais que permeiam o universo da World Music atrelado à música afro brasileira, bem como elementos estilísticos do Jazz e da música moderna. Alunos-Artistas:Otis Selimane Remane, Guilherme Marcheto, Caio Celli Caria, Nicolas Felipe Silva. Giovanni Della Guardia, Vitor Coelho, Rafael Mendes, Wendel Silva, Adriel Job e Henrique Cesar Aoki Heredia.

Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA Unicamp)

29/11 das 12 às 14 horas

Morganas | Morganas busca traçar caminhos de ocupação de espaços públicos através da linguagem da performance. Parte-se de um questionamento sobre a identidade feminina, explorando a corporalidade do vestir, ressignificando seus corpos por texturas, estados e qualidades. Alunas-Artistas: Iara Medeiros, Hellen Marques, Sofia Calil Cruz e Rubia Amaral.
 

Dois na Praça | O projeto “Dois na Praça – Música Instrumental para todos” resulta de pesquisa da Música Instrumental Brasileira Contemporânea, a partir de uma estética composicional popular moderna e genuinamente brasileira, atrelada ao universo da improvisação. Alunos-Artistas: Pedro Matsuda e Léo Cappi.
 

Mira | Dança instigada pelo conceito da física de que “dois corpos não podem ocupar o mesmo lugar no espaço ao mesmo tempo” e também a partir de trechos da música “Encontro”, de Luiz Tatit. Alunos-Artistas: Victor Lourenço de Almeida , Ana Laura Queiroz, Natália Bíscaro, Amanda Negrão, Ana Carolina Nader, Audrey Lyra, Beatriz Borghi, Bruno Harlyson, Carolina Gasquez, Giovanna Herrera, Letícia Bergamo, Luciana Canepa, Luíza Tasinaffo, Natália Bíscaro, Thaís Esteves e Thayná Cardoso.

Das 17 às 19 horas

Mostra com debate dos filmes:

- Fim da estrada | Sob o título “No fim-da-estrada” é um curta-metragem de aproximadamente 15 minutos, que trata sobre a solidão do homem da roça, introspecto nos anseios de preencher seus vazios existenciais a partir de narrativas fantásticas perpassadas oralmente na forma de lendas. A partir da realização deste curta, será organizada uma exposição artística com registros do processo criativo e deprodução do filme. Alunos Artistas: Matheus Augusto Zago Ribeiro, Victor Pereira da Silva Lopes, Alessandra Bortoletto Consorti, Lígia Zeid e Felipe Castro.

 - Marias do Retalho | Documentário de curta duração na oficina Maria Retalho, localizada em uma ONG de medidas socioeducativas em Campinas. Essa oficina é composta por mães de jovens infratores que passaram pela medida socioeducativa ou pelos cursos profissionalizantes. Da parte social, a ideia é mostrar por meio do audiovisual o cotidiano delas nas oficinas e suas trajetórias como mães na periferia. Alunos-Artistas: Ana Carolina Kazue Inada, Bruno Costa dos Santos e Beatriz Marques da Silva.

 - Fios da resistência | Documentário que trata da importância do cabelo na formação identitária e política da mulher negra e como as redes sociais (Facebook, Instagran, YouTube) são uma ferramenta de apoio e incentivo no processo de transição capilar. O filme reúne uma série de relatos pessoais de mulheres negras que ressignificam sua identidade a partir dos cabelos. Assim, para todas as participantes as redes sociais tiveram uma grande influência nesse processo. Alunos-Artistas: Thayná Desyrée Silva, Larah Camargo Barbosa, Nathália Luanna Martins e Rafael Silva Barreto.

 

 

Folder 3 1

Folder 3 2