As comissões permanentes de Graduação, de Pós-Graduação, de Pesquisa e de Extensão são órgãos destinados a assessorar na elaboração de diretrizes e no acompanhamento e supervisão das atividades acadêmicas.

A Comissão de Graduação é composta pelo Coordenador de Ensino Graduação, pelos coordenadores dos núcleos de graduação, pelos coordenadores dos cursos de graduação e pela representação discente. Compete a Comissão de Graduação a coordenação e supervisão geral das atividades de ensino dos cursos de graduação da FCA, incluindo a administração dos cursos – projeto pedagógico, desenvolvimento curricular, atribuição didática, avaliações institucionais – e gerenciamento da vida acadêmica dos estudantes, além das demais atividades referentes ao ensino de graduação mediante solicitação da administração superior da Faculdade e em consonância com o especificado em seu Regimento Interno.

A Comissão de Pós-Graduação é composta pelo Coordenador de Ensino de Pós-Graduação, pelo Coordenador Associado de Ensino de Pós-Graduação, pelos coordenadores de cada programa de pós-graduação e pela representação discente. Segundo a Deliberação CONSU-A-010/2015, que dispõe sobre o Regimento Geral dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu e dos Cursos Lato Sensu, compete a Comissão de Pós-Graduação: 1) traçar as diretrizes e zelar pela execução dos Programas de Pós-Graduação; 2) coordenar as atividades didático-científicas pertinentes, no âmbito da Unidade; 3) divulgar os critérios da seleção de acesso aos Programas de Pós-Graduação via edital; 4) organizar o calendário escolar para cada período letivo e divulgá-lo com antecedência, com base no Calendário Escolar da Pós-Graduação; 5) deliberar sobre o número de vagas para os Programas Stricto Sensu e Cursos Lato Sensu; 6) manifestar-se sobre processos de equivalência e de reconhecimento de títulos e diplomas; 7) deliberar sobre pedidos de trancamento de matrícula; 8) propor à Congregação a constituição de Comissões de Programa de acordo com o Regulamento dos Programas de Pós-Graduação; 9) aprovar as Áreas de Concentração; 10) No caso de Programa de Pós-Graduação Multiunidades, as Unidades e Órgãos envolvidos, por meio de suas Congregações e de seus Conselhos Superiores, respectivamente, poderão propor a Constituição da Comissão de Programa, e; 11) exercer outras atribuições decorrentes de normas emanadas da Comissão Central de Pós-Graduação – CCPG.

A Comissão de Pesquisa é composta pelo Coordenador de Pesquisa, pelo Coordenador Associado de Pesquisa, pela representação de docentes, que contemplem as pesquisas em Administração, pesquisas em Engenharias, pesquisas em Saúde, pesquisas do Núcleo Geral Comum e por representantes dos programas de pós-graduação, todos eleitos por seus pares e pela representação da Seção de Laboratórios, da Diretoria de Apoio Técnico. Compete à Comissão de Pesquisa: 1) Auxiliar e propor ações à Diretoria da FCA no desenvolvimento de políticas e programas de pesquisa universitária que visem aprimorar a atuação da Unidade, estimulando e apoiando o desenvolvimento da pesquisa nas diferentes áreas de conhecimento e buscando, sempre que possível, práticas interdisciplinares; 2) Sob demanda do Diretor ou da Congregação, promover discussão sobre rumos, direcionamentos e metas para as atividades de pesquisa, visando proteger os interesses da Unidade e, ao mesmo tempo, atender aos interesses acadêmicos e da sociedade, respeitando-se as linhas de pesquisa e individualidade de cada docente; 3) Propor ações para incentivar e acompanhar as atividades de pesquisa junto aos órgãos de fomento governamentais e não-governamentais; 4) Estimular ações com o objetivo de promover o intercâmbio nacional e internacional de projetos de pesquisa e pesquisadores; 5) Propor ações para incentivar o desenvolvimento da Iniciação Científica e a atração de Pesquisadores de Pós-doutorado e Jovens Pesquisadores para a Unidade; 6) Estimular ações com interface no Ensino e na Extensão; 7) Deliberar sobre a criação, extinção e adequação das Áreas e Linhas de Pesquisa da Unidade; 8) Analisar e emitir parecer sobre proposta de criação de Centros e/ou Laboratórios e de qualquer outra estrutura de Pesquisa da Unidade; 9) Emitir parecer, quando solicitado pelas instâncias superiores ou pelos pesquisadores da Unidade, sobre demandas de pesquisa que impliquem na disponibilidade de recursos financeiros; 10) Analisar e emitir parecer sobre o mérito científico da solicitação de espaço físico para Pesquisa; 11) Analisar e emitir parecer sobre qualquer outra matéria referente às atividades de pesquisa que lhe sejam submetidas pela comunidade acadêmica e pelas instâncias superiores da Unidade e da Universidade; 12) Deliberar sobre possíveis aplicações dos recursos financeiros da Pesquisa, tanto orçamentários quanto extraorçamentários, regulamentadas em Instrução Normativa.

A Comissão de Extensão é composta pelo Coordenador de Extensão, pelo Coordenador Associado de Extensão, pela representação docente, que contemple cada núcleo de graduação, e; pela representação discente. Compete à Comissão de Extensão: 1) Apoiar, acompanhar e avaliar projetos, contratos, convênios, cursos, eventos e prestações de serviços que se configurem como atividades de extensão da FCA; 2) Emitir parecer circunstanciado sobre mérito e relevância de propostas de atividades de extensão, com o intuito de instruir a Coordenadoria de Extensão, a direção e órgãos colegiados da FCA; 3) Subsidiar a direção da FCA e órgãos colegiados na formulação de diretrizes e projetos de extensão; 4) Rever sistematicamente e aprovar alterações no presente Regimento, ouvidos os membros da Comissão, a Direção e outras instâncias colegiadas da Faculdade; 5) Elaborar, submeter e implantar as normas internas à Unidade para as atividades de extensão e um sistema para sua avaliação; 6) Elaborar relatório anual, a partir dos relatórios das atividades extensão, e; 7) Gerir o Fundo de Extensão.

 

FACULDADE DE CIÊNCIAS APLICADAS
UNICAMP • Campus 2

R. Pedro Zaccaria, 1300
Limeira-SP  •  CEP 13484-350